MP reabre processo. Cabrita será investigado por homicídio negligente
13/01/2022 23:39 em Notícias

 

Será reaberto o inquérito relativo ao acidente mortal da A6 que envolveu o antigo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. O intuito é precisamente investigar a conduta do ex-ministro que, segundo avança a CNN Portugal e a TVI, deverá ser constituído arguido por suspeitas do crime de homicídio negligente por omissão.

A Associação de Cidadãos Auto-Mobilizados (ACA-M), assistente neste processo, pretende responsabilizar Eduardo Cabrita por crime de homicídio por negligência, alegando que autos têm matéria suficiente para acusar criminalmente o ex-ministro da Administração Interna e o seu motorista e responsável pela sua segurança, Nuno Dias.

De acordo com a CNN Portugal, sabe-se agora que o diretor do DIAP de Évora concordou com a ACA-M e, como base num requerimento da associação e numa reclamação feita à hierarquia do Ministério Público, declarou ontem num despacho a reabertura do processo para averiguar novamente o acidente provocado pela viatura onde seguia o ministro, que circulava a mais de 160 km/h e matou um trabalhador na A6 por atropelamento.

 

Esta decisão deverá ser formalmente comunicada aos intervenientes nos próximos 45 dias. 

COMENTÁRIOS